Feira Livre de Arte Independente (FLAI)

POR QUE UMA FEIRA DE ARTES VISUAIS DO CIRCUITO INDEPENDENTE EM CAMPINAS?

CIDADE HABITADA POR ARTISTAS

Campinas é o lar de muitos artistas contemporâneos independentes, ou seja, sem vínculos com galerias de arte comerciais, entre artistas locais e migrantes, parte deles estudantes e pesquisadores das artes visuais ligados às universidades sediadas na cidade.

UM CIRCUITO AUTO- ORGANIZADO

Hoje em Campinas as artes visuais pulsam pelas veias de uma pequena diversidade de espaços independentes, em sua maioria organizados por artistas e outros trabalhadores da arte. Muitos deles são membros de uma rede de colaboração auto-organizada chamada Circuito Livre de Arte Independente [CLAI].

UM MERCADO A SER CRIADO

Campinas ainda não desenvolveu um mercado dedicado à produção de arte contemporânea: não existem galerias, feiras ou outras iniciativas que envolvam o comércio desta produção. Assim, muitos artistas sediados na cidade têm dificuldade para comercializar seus trabalhos.

Reunindo artistas, coletivos de artistas e espaços de arte independente de Campinas e outras localidades do Estado de São Paulo, a FLAI busca estabelecer-se como uma plataforma facilitadora de transações de compra e venda de obras de arte, estimulando o colecionismo e o desenvolvimento do mercado de arte contemporânea em Campinas e gerando renda para os participantes. Sem a tradicional separação por stands, a FLAI lembra uma exposição, onde visitantes e colecionadores podem entrar em contato com os trabalhos e comprar diretamente dos artistas expositores.

A FLAI oferece aos expositores e colecionadores um ambiente de comércio justo de obras de arte, ou seja, os artistas recebem o valor integral pago por suas obras e os colecionadores pagam pelas obras valores que não incluem o serviço de agenciamento, tradicionalmente cobrado por galerias de arte comerciais.

A FLAI é também:

> Acessível, oferta obras para todos os bolsos; e

>> Não tem fins lucrativos, o que significa que todos os recursos levantados antes e durante a realização do evento são utilizados para pagamento de suas despesas e custos.

A primeira edição da FLAI aconteceu em novembro de 2021, ao longo de 2 fins de semana, no Pavão Cultural, em Barão Geraldo, recebendo mais de 30 expositores. Sua programação incluiu também performances, apresentações musicais e infantis e um encontro formativo voltado para o desenho de modelo vivo. A primeira edição da FLAI recebeu o apoio do Visite Campinas, da Sala Watari e da Chorus – escola de música.

PROPÓSITOS DA FLAI

  • Proporcionar o encontro entre artistas e colecionadores e facilitar transações de compra e venda de obras de arte, dentro do conceito de comércio justo;
  • Proporcionar o encontro entre trabalhadores das artes visuais – artistas, educadores, curadores, pesquisadores;
  • Gerar recursos financeiros para artistas, coletivos de artistas e espaços independentes ligados às artes visuais, através da venda de obras de arte;
  • Estimular o colecionismo de obras de arte;
  • Estimular o desenvolvimento do mercado de arte contemporânea de Campinas;
  • Dar visibilidade a artistas, coletivos e iniciativas auto- organizadas ligadas às artes visuais sediadas em Campinas;
  • Ampliar o público do circuito de arte independente de Campinas; e
  • Estimular a reflexão em torno de novos mercados de arte, sem fins lucrativos.

REALIZAÇÃO

Visual Portfolio, Posts & Image Gallery for WordPress